sexta-feira, 5 de maio de 2017

É assim que eu me sinto

A imagem pode conter: texto, natureza e atividades ao ar livre

Esta manhã se iniciou com um canto de júbilo (não saberia dizer porque). Eu bem sei que, motivos para me regozijar eu sempre tenho; mas... Há dias que não é necessário um motivo especial, para nos fazer felizes... E de um modo especial. Hoje de manhã, Isto se deu comigo. Glória a Deus! Então, procurei me encher da Fé que crê contra a razão, da Esperança que vê contra a noção, e do Amor que abraça contra a emoção. É assim que me sinto - em meio às sombras de um vale que parece não ter fim; mas... Cujo fim será o começo de tudo aquilo que Jesus nos prometeu!

Neste exato momento, minha memória se volta para o versículo da Palavra de Deus, que diz: "Regozijai-vos sempre no Senhor; outra vez digo, regozijai-vos." (Filipenses 4:4). Neste texto bíblico o advérbio 'sempre' deve ser entendido e praticado em toda a sua intensidade; pois existem ocasiões, em que somos levados a nos abater em demasia, até ao desânimo. Todavia; no regozijo encontramos antídoto eficaz contra o sofrimento que, as vezes, nos é imposto. Os irmãos da Igreja Primitiva tinham esta noção; daí, o seu regozijo ante dores e aflições sofridas. (Atos 5:41).

Tento imaginar a provação daqueles a quem Paulo escreveu estas palavras: "Portanto, meus amados e mui queridos irmãos, minha alegria e coroa, estai assim firmes no Senhor, amados. Rogo a Evódia, e rogo a Síntique, que sintam o mesmo no Senhor. E peço-te também a ti, meu verdadeiro companheiro, que ajudes essas mulheres que trabalharam comigo no evangelho, e com Clemente, e com os meus outros cooperadores, cujos nomes estão no livro da vida. Regozijai-vos sempre no Senhor; outra vez digo, regozijai-vos." (Filipenses 4:1-4). Jesus é nossa força!

Esta canção ignora o passado e parte em busca do futuro:
https://youtu.be/_tOQmTJflYA

Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário